07
Setembro
2015
|
17:38
Europe/Amsterdam

A Subestação de Curaçao

O Curasub desce quatro vezes por dia de Bapor Kibra à profundidades inacessíveis para mergulhadores. A bordo, passageiros do submarinos fazem uma viagem memorável para lugares onde muito poucas pessoas foram. Os peixes coloridos, corais e naufrágios antigos são perfeitamente visíveis nas águas cristalinas que cercam a ilha. De dentro do Curasub os passageiros tem uma visão clara, com visibilidade de mais de 60 pés (30m).

O projeto e design do Curasub foi baseado no comprovado submarino Aquarius, de 30 anos de idade, que ainda hoje está operacional. Todos os sistemas foram certificados pela Germanischer Lloyd, atendendo e superarando os mais elevados padrões de segurança. Ao contrário do mergulho com tanques de oxigênio, o mergulho em um submarino não tem efeitos da mudança de pressão sobre o corpo. Isto significa que as pessoas que são incapazes de mergulhar por razões médicas quase sempre tem permissão para submergir dentro do submarino. Pessoas com problemas de ouvido, doenças cardíacas, problemas pulmonares, etc., são todas autorizadas a mergulhar de submarino. Como o Curasub viaja em profundidades maiores do que os mergulhadores podem chegar, o submarino também é utilizado para investigação científica marinha. O fundo do oceano é uma vasta fronteira e altamente desconhecida que, no futuro, vai contribuir para a pesquisa e desenvolvimento de estruturas e substâncias bioquímicas e biologia marinha.

Um passeio com o Curasub leva cerca de uma hora e quinze minutos. Este preço inclui também um pen-drive personalizado com todas as fotos submarinas tiradas da aventura e uma camiseta grátis da Subestação. Em cooperação com a Academia de Golfinhos de Curaçao, a Subestação tem um treinamento para uma nova atração aonde se poderá mergulhar com golfinhos.

Saiba mais sobre a Substation Curaçao.